pra sempre

O Romeu aqui está aqui ensanguentado mas você não consegue ver o sangue porque nada mais do que alguns sentimentos que esse cachorro velho botou pra fora. Tem chovido desde que você me deixou e eu estou aqui afogadando na enchente. Sabe, eu sempre fui um lutador mas sem você eu desisto… Agora eu não posso nem cantar uma música romântica do jeito que se deve cantar. Estou achando que eu não sou mais o mesmo… mas, amor, esse aí sou eu. Agora o que me resta são fotos suas para relembrar de uma vida diferente. Algumas vezes nos fez sorrir… outras vezes nos fez chorar e uma outra ainda que fez você dizer adeus. Ai… o que eu não daria para passar meus dedos pelos seus cabelos, tocar seus lábios para que fique pertinho de mim… Entenda enquanto estiver pensativa que eu cometi erros e que sou apenas um homem… um homem que quando ele te puxa pra perto, quando ele te aperta, quando ele diz as palavras que você estava precisando ouvir, eu irei sentir inveja, porque essas palavras são para eu te dizer até o fim da sua vida. Mas, ei… não há sorte nessa jogada de dados maluca… só se você me der uma outra chance. Daí, carregariamos nossos velhos sonhos e nossas velhas vidas para encontrarmos um lugar onde o sol ainda brilha…

É… e eu vou te amar, amor, para sempre e você poderá contar comigo para todo e o sempre. Eu vou ficar contigo até as estrelas perderem a sua luz, até que o paraíso queime e as palavras fiquem sem rima… e eu sei que quando eu morrer só terei você na minha mente. E eu te amo pra sempre.

Versão poética da música “Always” do Bon Jovi
Sim, eu tenho essa linha versão poética sempre…

Anúncios

About this entry